Quais são os tipos de ações existentes?

A bolsa de valores apresenta muita variedade, mas nem todos sabem disso. Confira agora quais são os 6 tipos de ações existentes no mercado.

Existem seis opções diferentes de ações. Confira agora!
Existem seis opções diferentes de ações. Confira agora! - Shutterstock

por Loyane Lapa
Publicado em 23/12/2021 às 15:30
Atualizado às 15:30

COMPARTILHEFacebook Finanças e EmpreendedorismoPinterest Finanças e Empreendedorismo

O mercado de ações atrai cada vez mais investidores. Em novembro deste ano, a Bolsa de Valores do Brasil (B3) bateu recordes. Atualmente são mais de 4 milhões de contas de pessoas físicas investindo em renda variável.

É certo que para ingressar nesse tipo de aplicação, é necessário muito estudo por parte do investidor. Mas existem assuntos que possuem pouca procura, como por exemplo, os tipos de ações existentes numa bolsa

Por isso, separamos para vocês os 6 tipos de ações que você pode encontrar. Confira abaixo e saiba as diferenças entre elas!

1. Ações ordinárias (ON)

As ações ordinárias ou ações ON possibilitam ao investidor a participação em determinadas decisões relacionadas à empresa. Normalmente, esse tipo de ação rende aos investidores a participação nos lucros através de dividendos e o direito a voto em assembleias. 

A maneira mais fácil de identificar uma ação ordinária dos demais tipos de ações existentes é através de seu ticker. O ticker é o código composto por letras e números que representa a ação de uma companhia na Bolsa de Valores. 

No caso da ação ordinária, as companhias sempre são representadas pelo nome + 3. Por exemplo: VALE3 (Vale) e PETR3 (Petrobras).

2. Ações preferenciais (PN)

As ações preferenciais ou ações PN é um tipo de papel que fornece ao investidor a prioridade na hora de receber lucros e dividendos de uma companhia. Isso serve para que, em momentos de falência ou liquidação da empresa, esses investidores recebam primeiro que os investidores de ações ordinárias.

Quanto ao código dessas ações, elas podem ser identificadas através do nome da companhia + números como 4, 5, 6, 7 e 8. Por exemplo, podemos citar a própria Petrobras (PETR4) e a Gol (GOLL4). 

Outra característica que diferencia esse tipo de ação das demais é que as ações preferenciais podem ser classificadas como Classe A (com pagamento mínimo de dividendos) ou Classe B (com valor pré-estabelecido de dividendos).

As ações preferenciais de Classe A serão terminadas pelo número 5. Já as ações preferenciais de Classe B, terminarão com o algarismo 6.

3. Units

Já as Units são ações que mesclam as duas modalidades: ordinárias e preferenciais. Elas são vendidas em conjunto, num mesmo pacote de ativos da companhia como uma forma de garantir a venda das duas modalidades de ações. Isso acontece porque uma ação pode ter mais liquidez que a outra. 

As ações unit são representadas pelo número 11 no final do código da ação. Por exemplo: Santander Brasil (SANB11).

4. Ações blue chip

Outra forma de classificar as ações é através do tamanho de suas companhias. Por isso, as ações blue chip (large caps) são os papéis de empresas com grande negociação na Bolsa e maior valor de mercado. 

Por serem maioria, essas empresas possuem um alto número de negociações e de investidores interessados. Sendo assim, elas possuem mais liquidez e porcentagem de dividendos.

5. Ações small caps

Já as ações small caps são aquelas que possuem menor capitalização na bolsa. Isso não significa necessariamente que elas pertencem a empresas pequenas, já que dependendo da classificação seu faturamento pode chegar na casa dos bilhões.

6. Ações mid caps

Por fim, temos as ações mid caps, que representam um meio termo. Ou seja, elas estão entre as ações blue chip e as small caps. 

Com informações de Nubank.