Prova de vida digital: entenda mais sobre o procedimento

Nova etapa do projeto trouxe mais facilidade aos beneficiários do INSS

Idosa no celular
Idosa no celular - Shutterstock

por Gabriela Campos
Publicado em 17/03/2021 às 09:01
Atualizado às 09:01

COMPARTILHEFacebook Finanças e EmpreendedorismoPinterest Finanças e Empreendedorismo

Você é beneficiário do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e já realizou o procedimento de prova de vida? Se a sua resposta for sim, esse procedimento provavelmente veio atrelado a algum tipo de deslocamento físico, certo? Mas essa necessidade de deslocamento está com os dias contados. 

No final de fevereiro de 2021 foi lançado o projeto piloto da nova etapa de expansão da prova de vida por biometria facial, a qual visa trazer mais facilidade para os segurados por meio da realização do procedimento de maneira 100% digital.

Com a nova atualização do projeto, o segurado poderá realizar a prova de vida digital sem sair de casa, utilizando apenas um smartphone que possua o aplicativo Meu Gov.br  (disponível nas lojas virtuais da Play Store e App Store) .

Durante essa etapa, o serviço 100% digital será disponibilizado apenas aos beneficiários que o INSS entrar em contato via SMS e e-mail. Estes segurados, em sua maioria, são usuários que já deveriam ter realizado o procedimento da prova de vida ou que tiveram o benefício suspenso antes mesmo da pandemia, por falta da fé de vida. 

Vale pontuar também que apenas os segurados que possuem carteira de motorista ou título de eleitor poderão ser contemplados pelo projeto nesta fase, uma vez que para realizar a biometria facial, o INSS usará a base de dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Tribunal Superior Eleitoral. 

Quer dar uma olhadinha em como funciona o passo a passo desse procedimento? Confira o vídeo abaixo! 

Fonte: Governo Federal