Home office: saiba como aproveitar este modelo de trabalho para economizar

Com as atividades remotas, a sua conta de luz sobe, mas outras despesas irão praticamente sumir

Home Office
Home Office - Shutterstock

por Gabriela Campos
Publicado em 10/05/2021 às 09:00
Atualizado às 09:00

COMPARTILHEFacebook Finanças e EmpreendedorismoPinterest Finanças e Empreendedorismo

Economizar durante o período de home office pode soar estranho, já que para a maioria dos trabalhadores esses dias de atividades remotas estão fazendo a conta de luz ficar mais alta, as idas ao mercado serem mais frequentes e um pacote de internet melhor se tornar quase um item essencial no orçamento familiar. 

Mas e as economias que o trabalho remoto pode gerar no orçamento, você já as colocou na ponta do lápis? Se ainda não, fica tranquilo(a) que para te ajudar nessa missão o Finanças & Empreendedorismo separou alguns pontos importantes a serem considerados nessa soma e que podem trazer um grande alívio às suas economias durante esse período de atividades remotas.

- Alimentação

Com a possibilidade de trabalhar em casa você passará a ter mais tempo para preparar o seu próprio almoço e jantar, já que não terá mais que se deslocar ao trabalho. Com essa mudança de hábito, as compras de supermercado ficarão mais caras, pois precisarão ser maiores, mas você poderá reduzir (e muito) os gastos gerais com alimentação, já que aquele self-service ao lado do trabalho por R$ 80 o quilo não fará mais parte da sua rotina todos os dias e nem o delivery de lanche da tarde.

Isso quer dizer que é para NUNCA MAIS comprar algo de delivery ou pedir uma marmita no disk entrega do self-service? Nããão! Se possível, incentive esses negócios locais através de alguns pedidos mensais e também da indicação deles para outros colegas. 

-  Transporte

Você já calculou o tempo que você leva, mensalmente, para ir e vir do trabalho? E o quanto isso te custa, financeiramente falando, você já fez as contas? 

Independente se você vai de transporte público, se utiliza os serviços de um motorista de aplicativo ou se vai com um veículo próprio, agora é hora de somar as despesas envolvidas nesse deslocamento e poupar esse dinheiro! 

Durante os dias de home office, o único deslocamento que será necessário é do sofá para a mesa e esse eu te garanto que não terá nenhum custo financeiro envolvido.

- Roupas e o #lookdodia do home office

Se você já passou dos 20 dias de home office e continua se arrumando para trabalhar em casa como fazia para ir ao presencial, meus parabéns, você está pronto(a) para entrar para o Guinness do Finanças & Empreendedorismo na categoria “guerreiro(a)”.

Agora, se você é gente como a gente e passa a semana alternando o pijama com duas outras trocas de roupa confortáveis e que serão mais bem vistas durante uma videochamada surpresa, pode comemorar pois esse seu hábito é um gerador de economia!

Ao utilizar as roupas “de trabalho” com menos frequência, você estará desgastando menos as peças e, consecutivamente, ajudando o seu bolso, uma vez que elas não terão que ser substituídas por outras peças novas tão cedo.

Além disso, com o trabalho remoto você também economiza seus sapatos, acessórios e, dependendo, até mesmo o seu perfume - mas se quiser trabalhar perfumado(a) aí da sua casa, tá tudo bem! Ou seja: olha quanta possível despesa você está cortando de uma vez só!

Contudo, novamente frisamos: essa dica não é para que você NUNCA MAIS compre alguma peça de roupa da loja perto do seu trabalho ou que deixe de comprar sapatos na loja do seu amigo, ok? É de extrema importância que, se possível, você continue incentivando esses negócios, seja através de compras que não revirem o seu orçamento financeiro ou de indicações para os(as) amigos(as).

Tópicos apontados, agora é com você! Faça as contas, coloque tudo no papel e veja como o home office pode sim gerar uma economia relevante no seu orçamento.

Leia também