Dia dos Namorados: dicas para deixar seu amor e sua saúde financeira felizes

Veja como surpreender seu amor, economizar e ficar em paz com sua conta bancária

Dia dos Namorados
Dia dos Namorados - Shutterstock

por Gabriela Campos
Publicado em 07/06/2021 às 14:00
Atualizado às 14:00

COMPARTILHEFacebook Finanças e EmpreendedorismoPinterest Finanças e Empreendedorismo

Estamos a poucos dias do Dia dos Namorados e muitos apaixonados (e esquecidinhos) que deixaram para comprar o presente na última hora estão pensando: e agora, o que eu vou dar de presente para o meu amor? 

Essa é uma pergunta importante, contudo, o ideal é ela ser complementada: o que eu vou dar de presente para o meu amor sem desequilibrar a minha saúde financeira

Para te ajudar nessa, separamos algumas dicas para que essa data especial seja vivida com muito amor, cuidado e sem deixar dívidas para trás. 

Defina seu orçamento para a data

O mês começou, o salário caiu ou já já cairá na conta. Esse é o momento perfeito para você analisar as finanças mensais e estabelecer quanto poderá gastar neste Dia dos Namorados. 

Seja honesto e sincero consigo mesmo neste momento. Não adianta estabelecer um teto de R$300 se você sabe que, na realidade, terá R$50. Honestidade no amor e nas finanças, combinado?

Converse sobre possibilidades

Com o seu orçamento definido, converse com o seu amor sobre a programação do dia e sobre as expectativas. Estamos passando por um período de pandemia, então trocar um jantar fora por um delivery ou por cozinhar em casa pode ser uma ótima opção - mais segura e, em alguns casos, mais barata.

Com relação aos presentes, um bate papo sobre as expectativas dessa troca é extremamente importante também. Como em um relacionamento, nada como uma boa conversa para resolver as coisas e deixar os envolvidos na mesma página.

Presentes simbólicos

Com um orçamento mais enxuto, a melhor coisa é investir em presentes simbólicos. Lembrou de algo que seu amor precisa ou viu algo e lembrou de alguma história de vocês?! Invista nisso e em um cartão escrito com o coração. Com certeza a pessoa amada irá amar!

Não quero dinheiro, eu só quero amar

Agora, se o seu orçamento está em um total de R$0, não se preocupe, ainda é possível ter um Dia dos Namorados especial sim.

Uma ideia é criar uma playlist com as músicas que marcaram o relacionamento de vocês - seja um namoro de anos ou de poucos meses. 

Se vocês moram juntos, um café da manhã na cama - com o que você já tem em casa - com a playlist tocando pode ser uma ótima opção também.

Na ausência do dimdim, deixe a criatividade tomar conta e não tenha medo de “ser brega”. No final, o Dia dos Namorados é uma data marcada por amor - e amar, em alguns momentos, tem lá suas breguices tão gostosas de se viver. 

Leia também