12 sinais que identificam se você nasceu ou não com o empreendedorismo na veia

Ainda em dúvida se ser dono do próprio negócio serve para você? Então confira sinais que dizem se você possui ou não o empreendedorismo na veia!

Todas essas características podem ser aperfeiçoadas e trabalhadas individualmente!
Todas essas características podem ser aperfeiçoadas e trabalhadas individualmente! - Shutterstock

por Loyane Lapa
Publicado em 07/12/2021 às 16:30
Atualizado às 16:30

COMPARTILHEFacebook Finanças e EmpreendedorismoPinterest Finanças e Empreendedorismo

Ser dono de seu próprio negócio se tornou a sina de muitos brasileiros por conta da crise. E há quem tenha se identificado logo de cara nessa profissão. Mas há também aqueles que não se adaptaram a essa rotina e vivem em constante dúvida.

Por isso, separamos alguns sinais que identificam se você nasceu com o empreendedorismo na veia ou não. Além disso, essas informações podem ajudar a compreender o que pode estar impedindo o seu negócio de prosperar. Confira a seguir!

1. Não sabe lidar com a pressão

Ser dono de seu próprio negócio exige jogo de cintura no dia a dia. Principalmente no que se refere a demandas urgentes, que precisam de solução rápida. Por isso, uma das características mais importantes de um empreendedor é a tomada de decisão.

2. Ainda não aprendeu a lidar com incertezas

Logo no início, um empreendimento não costuma dar muitos lucros. Nesse sentido, vale a pena trabalhar a mente para saber lidar com essas incertezas do mês seguinte, além do planejamento para não ficar sobrecarregado em meses de pouco movimento.

3. Não sabe se posicionar

Uma característica comum entre aqueles que possuem empreendedorismo na veia é a liderança. Ter um negócio exige responsabilidades e você, como dono, precisa se posicionar. 

4. Não possui tempo

Empreendedorismo é uma profissão em tempo integral. E é claro que você pode tirar um tempo de descanso para relaxar e cuidar de si mesmo. No entanto, ter seu próprio negócio requer tempo e dedicação para crescer, então é importante abdicar de certos momentos para cuidar do seu trabalho.

5. Se abala facilmente ou não sabe lidar com perdas

Ter empreendedorismo na veia significa tomar soluções práticas, lidar com erros, perdas e até mesmo fracassos. Sendo assim, é importante que um empreendedor entenda esses momentos como um desafio.

6. Não consegue se organizar

Uma das maiores liberdades de quem é empreendedor diz respeito ao horário de trabalho. Afinal, ser dono de seu próprio horário é maravilhoso. Só que trabalhar no seu próprio horário também exige gestão de tempo e organização. Fique atento!

7. Prefere trabalhar sozinho

O empreendedorismo exige contato direto com o público, até porque, é do consumidor que vem a sua sobrevivência. Por isso, se você não gosta de trabalhar dessa maneira, é bom repensar suas ideias.

8. Pretende continuar do jeito que está

Assim como o mundo está em constante mudança, as carreiras também estão. E se destaca mais quem possui conhecimento. Ou seja, se você prefere continuar na sua zona de conforto profissional, talvez o empreendedorismo não esteja na sua veia.

9. Não possui uma boa comunicação

A comunicação é a chave de todo negócio! É ela quem garante a chegada de novos clientes, uma aproximação nas redes sociais e todos os passos importantes de um empreendedor. 

10. Ignora a possibilidade de falência

Nada dura para sempre, principalmente se a gestão for feita de qualquer jeito. Portanto, todo empreendedor deve trabalhar com essa possibilidade. 

11. Não consegue manter a calma

Em muitos momentos, ser empreendedor pode tirar você do sério. Mas essas situações precisam ser evitadas e trabalhadas internamente. 

12. Possui o ego inflado

Por mais que o seu negócio busque solucionar um problema de extrema importância e faça muito sucesso, é sempre válido manter a humildade e os pés no chão. São essas características que provam se você nasceu ou não com o empreendedorismo na veia. 

Conclusão:

Vale lembrar que essas características levantadas podem facilmente ser trabalhadas em cursos, palestras e a aplicação de métodos. O que prova que você possui o empreendedorismo na veia é a vontade de fazer dar certo.

Então, mãos à obra. Entenda inicialmente tudo aquilo que está falhando no seu negócio, descubra maneiras que podem fazer com que ele possa se reerguer e dar certo!

Com informações de Pequenas Empresas, Grandes Negócios.