Salário mínimo 2022: estimativa de reajuste é de acima de R$ 1.200

Com valor histórico, a expectativa é de que o reajuste do salário mínimo para 2022 siga o índice inflacionário do INPC de 2021. Leia e confira!

Segundo o Ministério da Economia, a projeção é de que a inflação que reajusta o salário mínimo seja de 10,04%
Segundo o Ministério da Economia, a projeção é de que a inflação que reajusta o salário mínimo seja de 10,04% - Shutterstock

por Loyane Lapa
Publicado em 01/12/2021 às 12:02
Atualizado às 12:02

COMPARTILHEFacebook Finanças e EmpreendedorismoPinterest Finanças e Empreendedorismo

Chegamos a dezembro! E com a chegada deste mês tão aguardado, é possível descobrir como ficarão vários indicadores importantes para 2022. Entre eles, temos o piso do salário mínimo. 

O valor do salário mínimo sempre é calculado com base nos índices inflacionários do ano anterior. E no caso de 2022, a expectativa é de que o valor siga a mesma lógica. 

O principal indicador para o salário mínimo é o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), calculado pelo IBGE. Semelhante ao IPCA, o INPC é mais específico e mede os impactos da inflação entre quem recebe entre 1 e 5 salários mínimos de renda mensal, que é a camada mais impactada pela inflação na sociedade pelo aumento de preços.

O valor mensal do INPC em novembro será divulgado somente no dia 10 de dezembro, no entanto, em projeção feita pelo Ministério da Economia em novembro, é esperado que 2021 feche com o indicador em pouco mais de 10%.

Nesse sentido, caso o cenário se mantenha e essa projeção econômica seja cumprida, o valor do salário mínimo seria revisado para cerca de R$ 1210,44

Com isso, o salário mínimo seria o maior dos últimos seis anos consecutivos, superando até o reajuste de 2016, quando o valor corrigido passou a ser de R$ 880. 

Qual a importância do salário mínimo?

A correção anual do salário mínimo também é utilizada como referência para reajustar outros programas. Entre eles, estão os benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que também são impactados pelo valor.

Se a expectativa se cumprir de fato, os segurados do INSS poderão ter seu valor de seu benefício reajustado para R$ 1.200 em 2022. Além disso, o teto do salário mínimo também será ampliado de acordo com o valor em vigência.  

Pessoas que estão ou estarão momentaneamente amparadas pelo seguro desemprego também vão passar a receber R$ 1.200, caso esse reajuste seja firmado pelo Governo Federal. 

O abono salarial do PIS/Pasep também é outro benefício que pode ser reajustado conforme correção do salário mínimo. Caso um trabalhador que tenha direito a este benefício trabalhe um ano inteiro (12 meses), ele também receberá também esses R$ 1.200 em 2022.

O aumento da inflação é bom ou ruim?

Apesar de influenciar na correção do salário mínimo, a inflação é considerada ruim, principalmente para os mais pobres, já que essa é a camada da população que mais sofre com a alta nos preços de produtos e serviços.

Vale lembrar que mesmo que pareça, o “aumento” do salário mínimo é apenas uma correção de valores. Significa que o valor está se adequando à alta nos preços e ao poder de compra de quem recebe o valor mensalmente.

Entre os principais responsáveis pelo aumento da inflação, estão: